Ataque de Helicoverpa armigera em Soja Intacta é confirmado

Publicado em 2 de março de 2018

O Portal Agrolink e Correio News veicularam ontem (02/03) a confirmação de que a lagarta Helicoverpa armigera ataca a Soja Intacta RR2 PRO. A notícia é da equipe de Pragas e Plantas Daninhas da Fundação Chapadão.

O Dr. Juliano Farias, responsável pela área de Entomologia do Instituto Phytus, recebeu amostras de lagartas coletadas pela Fundação Chapadão para realização da caracterização da resistência e identificação da espécie. As amostras de DNA foram confirmadas.

O trabalho de identificação da espécie foi realizado em parceria com o Professor Moisés Zotti, do Laboratório de Entomologia Molecular da UFPel (Universidade Federal de Pelotas), e com o auxílio da Doutoranda Deise Cagliari.

“É importante que seja feito um intenso monitoramento das áreas em todo o país, para ver se novos casos serão identificados e a partir destas informações traçarmos novas estratégias de manejo”, orienta o Dr. Juliano Farias.

Screen Shot 03-02-18 at 05.26 PM

Conforme publicado no site Agrolink, a Monsanto, detentora da tecnologia se posicionou.

“A Monsanto, ao tomar conhecimento sobre uma reclamação de ocorrência de infestação não esperada de um determinado tipo de lagartas, em uma lavoura de soja na região de Chapadão do Céu (GO), atendeu-a prontamente. Para que sejam obtidas mais informações, a empresa investigará o caso ao longo das próximas semanas, uma vez que não é comum este tipo de ocorrência e vários fatores a influenciam.

Como boa prática, a Monsanto recomenda, desde o lançamento de suas tecnologias de proteção contra pragas, a adoção do Manejo Integrado de Pragas (MIP) como medida para otimização dos resultados das tecnologias Bt, bem como as práticas para adoção correta de áreas de refúgio.”